Arquivo mensal: abril 2013

Closonet com lírios

Padrão

Antes, o que é closonet? Simplesmente: preenchimento. Uma técnica muito utilizada para fazer joias. Mas como tudo no mundo da arte, do artesanato, do designer…como tudo que lida com criatividade, a boa mistura sempre resulta em algo novo e belo. Foi o caso dessa tela que fiz com a técnica já mencionada.

Lírios Verniz Vitral

OBS: Espero que vocês achem bela! rs.

Pessoal, é bem simples, não precisa ser um grande desenhista. O que você vai fazer é pegar um risco, pode ser pela internet, caso você não desenhe bem, passar para a tela com carbono. Depois contornar o risco com a tinta que preferir. Eu usei a ouro em bisnaga da Acrilex. Pegue a tinta acrílica e coloque em uma bisnaga vazia. Depois vá contornando todo o risco. Espere secar.

250420131361bis

bisnagas

A tinta que vai entrar na bisnaga vazia tem que ser esta para tela por causa da sua consistência.

Depois com um pincel redondo, que carrega uma quantidade maior de tinta, neste caso verniz vitral, vá despejando o verniz, como que formando uma piscininha de verniz. Neste caso eu usei laranja no centro, depois vermelho e nas pontas preto. Para o pistilo, essas bolinhas no centro da flor, eu usei amarelo cádmio. Nas folhas, usei verde folha. O clareamento das bordas das folhas foi feito com verniz incolor, que mesclado ao verde, produz a luz.

imageseditor_vernizvitral

Esse é Tigre, mas pode ser qualquer marca: Keramik, Condor, etc.

Esse é Tigre, mas pode ser qualquer marca: Keramik, Condor, etc.

É isso, pessoal. Sei que este passo a passo careceu de mais fotos para ilustrar a técnica. Eu estava tão concentrado fazendo a peça ontem (24) que acabei não registrando tudo. Tirei foto apenas da tela e do risco. As imagens restantes são da web. Para quem quiser saber mais sobre a técnica assista a vídeos no you tube. Tomei contato com a técnica vendo vídeos de Mauro Tavares, um artesão que admiro muito. Pode procurar. Inclusive a ideia desta tela partiu de uma sugestão dele.

OBS2: O verniz vitral da Gato Preto é à base de água. Eu prefiro muito mais, já que não me dou bem com o cheiro do solvente. Só usei este porque não tive como comprar os da Gato Preto quando fui à loja.

OBS3: Peça este mesmo risco de lírios escrevendo para falecom@gatopreto.com.br. Eles enviam rapidamente.

Baú Romero Brito (Boneca) e Porta-joia grande

Padrão

Essas duas encomendas foram feitas para uma grávida de gêmeos! Os bebês talvez cheguem à Terra nesta quarta (24).

Eu já postei aqui um baú que fiz, no qual pintei um das telas do artista pernambucano Romero Britto. Muitas pessoas gostaram. É difícil ficar imune às cores, à energia das telas de Britto. Não discuto aqui a qualidade da obra, se é puramente comercial, etc. O fato é que eu adoro reproduzir essas telas e as pessoas gostam muito da mistura de cores (eu também!). Neste caso o que importa é o bem-estar que o objeto transmite, a força das cores mesmo! Como as figuras do artista estão por toda parte, de garrafas de bebidas a carros, também estão no artesanato! Aí está o baú.

Baú Romero Brito Boneca

 

 

 

 

 

 

 

 

Baú RB Boneca Lados

 

 

 

 

 

 

 

 

A outra peça foi este porta-joia grande. Ele tem cerca de 40 cm de comprimento e 10 de altura, com dois andares. Fiz a decoupage com borboletas e depois apliquei um produto da Corfix chamado Relevo (este é o transparente, há outras cores). Gosto muito do efeito deste produto (talvez não dê para ver o resultado pela foto).

Porta-joia Emilia

 

 

 

 

 

 

 

 

Porta-joia Emilia dentro

 

 

 

 

 

 

 

 

Pessoal, querendo umaencomenda é só me escrever ou ligar! Os contados estão ao lado. A entrega é para o Brasil todo! Para quem mora em Salvador, também há a possibilidade de visitar a loja Handicraft, que fica no shopping Sumaré. Fico lá de segunda a sexta, de 9 às 19h! Você encontra várias peças minhas, além de objetos para começar sua produção!

Beijos e abraços!

Apê da Barbarella

Padrão

Minha amiga Bárbara Dória realizou um sonho que com certeza é o de muitos, inclusive meu: ter um apartamento para chamar de seu e decorá-lo com gosto, com a personalidade de sua alma. Barbie, como a chamo, é jornalista e possui o blog Apê da Barbarella. Nele, ela escreve sobre decoração, designer, dá dicas e ensina a fazer algumas peças, já que também é uma artesã habilidosa.

Barbie ainda está decorando sua casa, mas já tem muita coisa no lugar. Eu realmente gostei das sugestões dela e acho que o apartamento vai ficar show. E foi justamente quando disse a ela que tinha adorado a decoração e que ia publicar algo aqui no Ateliê, alguém comentou com ela que seu quarto estava infantil. Assim, Barbie retirou o post do ar. Eu disse: Não! Coloque de volta. Sua decoração está ótima e é a sua cara.

Não precisa ser um profissional da área para ter boas ideias e bom gosto. Claro, aos poucos vamos sentindo o apartamento, vendo o que precisa, colocando um objeto ali, retirando outro, recebendo sugestões ,etc. Faz parte.

Bom, abaixo várias fotos do Apê da Barbarella: Fiquem à vontade para sugerir ideias aqui ou no blog dela!

QUARTO DA BARBIE

Gostei muito desses pássaros. Não sei porque, mas lembrei de Alfred Hitchcock

Gostei muito desses pássaros. Não sei porque, mas lembrei de Alfred Hitchcock

Outra coisa que gostei foi o papel de parede!

Outra coisa que gostei foi o papel de parede!

Uma geral do quarto!

Uma geral do quarto!

Estão vendo o quadro em cima da geladeirinha retrô? Eu fiz e dei de presente! rs

Estão vendo o quadro em cima da geladeirinha retrô? Eu fiz e dei de presente! rs

SALA

ap2

ap1

ap3

As estampas  das almofadas estão massa!

As estampas das almofadas estão massa!

Repararam que ela gosta de objetos com cara de antigo? Eu também!

Repararam que ela gosta de objetos com cara de antigo? Eu também!

sa3QUARTO DA MÃE

ap5qm

Espero que tenham gostado. Tem muito mais fotos do apartamento no site dela! Visitem!

 

 

 

 

 

 

 

 

Versão de Leonid Afremov

Padrão

O pintor Leonid Afremov foi um dos primeiros que descobri quando comecei a me aventurar pela pintura. Estava procurando telas com muitas cores, quentes, alegres, belas. Dei de cara com Leonid e suas belas espatuladas (ele utiliza apenas espátulas em suas obras). Claro, não é fácil reproduzir sua técnica e jamais pensei que eu pudesse fazer algo que concorresse com ele. Então, o máximo que pude fazer, do alto da minha inexperiência e ousadia, já que nunca tomei aula de pintura, foi utilizar a intuição e criar algo que no final pelo menos eu gostasse. Felizmente, muitas outras pessoas gostaram e cheguei a vender algumas telas com os motivos de Leonid (vocês podem conferir aqui: www.flickr.com/sandrocp, no pasta Acrílica sobre tela).

A mais recente foi esta tela abaixo. Eu chamei de ‘Entrega’. Diferente de Leonid, usei um ou dois pincéis em algumas partes, já que não tenho a mesma habilidade dele com as espátulas. E algo que aprendi lendo sobre pintores, movimentos artísticos, observando telas, tentando chegar à algumas conclusões sobre essa arte, é que nem sempre a tela mais bonita é a mais artística. Quando pinto, quero extrair sensações pelas cores, algo que crie algum tipo de impacto nas pessoas. Óbvio, sempre há o fato da impossibilidade de agradar a todos. Enfim, eis a versão que fiz sob encomenda para uma amiga.

casal

Beijos e abraços em todos!

Três peças novas

Padrão

Graças a Deus muitas encomendas estão aparecendo. Mas mesmo com o tempo curto, corrido, arranjo tempo para fazer uma coisa ou outra aqui para casa. Como minha filha estava precisando de um cabideiro, eu resolvi fazer um para ela. Esta peça já estava aqui há algum tempo, apenas estava pensando como trabalhá-la. Caminhei pelo simples e acho que ficou bonito. Minha filha gostou. E vocês?

Cabideiro Sarah

Os porta-controle remoto estão fazendo sucesso! Ainda bem. A pessoa que encomendou pediu que fosse todo listrado em preto e branco, para combinar com a decoração de sua casa. Apelidei de Zebra. Tudo a ver.

Pora-Controle Zebra

Minha colega de trabalho, Cibele Oliveira, queria uma fruteira. Quando a gente vê uma peça pronta, parece que foi fácil, mas sempre tem uma conversa de como a peça deve ficar, que papel ou outra técnica devemos utilizar para decorar o objeto, etc. Às vezes isso leva tempo. Achei esse guardanapo e fiz a decoupage nas laterais e pintei a peça da cor que ela pediu: vermelho. Ficou parecendo uma peça natalina, né? E não é que eu usei a cor Vermelho Natal? Tá longe da festa do nascimento de Jesus, mas sempre é bom evocar o clima natalino.

Fruteira

E aí, pessoal, gostaram das novas peças? Espero que sim. Não esqueçam de criticar, dar sugestões, mandar links de sites, endereços de lojas e até mesmo trabalhos feitos por vocês! Adoraria colocá-los aqui no Ateliê!

Abraços em todos!